Os Significados das Cartas do Baralho da Maria Padilha

Os Significados das Cartas do Baralho da Maria Padilha

O Baralho da Maria Padilha possui 36 cartas, assim como o Baralho Cigano, cada uma possuindo o seu significado e o seu simbolismo individual que, ao combinar com outra(s) carta(s) podem originar novos significados.

Á seguir, você ficará à par dos significados das 36 cartas do Baralho da Maria Padilha, de acordo com o livreto explicativo que acompanha o oráculo.

Os Baralhos da Maria Padilha, da Maria Mulambo, da Dona Sete e do Zé Pelintra e em Homenagem às Damas da Noite (Livreto Explicativo)
Os Baralhos da Maria Padilha, da Maria Mulambo, da Dona Sete e do Zé Pelintra e em Homenagem às Damas da Noite (Livreto Explicativo)

Significado das Cartas

Carta 01 – Os Cristais (Virtudes, Sabedoria)

Carta 01 – Os Cristais (Virtudes, Sabedoria)

Dependendo das cartas ao redor, pode significar a intercessão de um bom conselheiro, um guia ou um mestre em favor do consulente.

Essa é uma carta que emite luz e positividade. Ela representa um mago ou um mestre espiritual no qual o(a) consulente crê.

Significa, também, a coroa de um orixá, quando ao lado das cartas 14, 25, 26 e 27. Ela transforma o negativo em bons augúrios.

Caso essa carta inicie a Cruz Mística, significa que o(a) consulente possui méritos espirituais, que o auxiliarão em sua jornada de vida.

Carta 02 – Lápis (Notícias Breves)

Carta 02 - Lápis (Notícias Breves)
Carta 02 – Lápis (Notícias Breves)

Esta carta é neutra, coadjuvante, que além de pontuar “Tempo”, indica fatos que estão para acontecer em breve período de tempo.

Ela não se referencia somente ao cotidiano e aos fatos que estão ocorrendo, mas, também, sinaliza, ao lado das que a circundam, o que pode estar para acontecer.

É o jogo da vida que nos fazer ter o cuidado de pensar bem antes de fazer qualquer movimento, pois, lá na frente, esse movimento pode fazer toda a diferença.

Caso ela inicie a Cruz Mística, indica fatos que ocorreram há pouco tempo ou aqueles que não tardarão a acontecer.

Por ser uma carta coadjuvante, ela depende de outras cartas para ter seu verdadeiro significado devidamente esclarecido e interpretado.

Carta 03 – A Luva (Passado, Amor Perdido)

Carta 03 - A Luva (Passado, Amor Perdido)
Carta 03 – A Luva (Passado, Amor Perdido)

Esta é uma carta neutra, quase romântica, que remete aos sonhos e memórias do passado. Um amor mal resolvido, uma frustração pessoal, a insatisfação com a rotina de um relacionamento monótono, uma profissão mal escolhida…

Ela mostra que é preciso trabalhar melhor a aceitação daquilo que a vida nos dá. Todos os caminhos tem volta; todos os erros podem ser perdoados e reanalisados.

É preciso dar importância ao que ficou para trás de forma frustrante e abrupta. E trabalhar essa aceitação pode trazer leveza e tranquilidade ao nosso dia a dia.

Quando essa carta inicia a Cruz Mística, significa que o sentimento e as emoções que permeiam o(a) consulente precisam ser revistos.

E isso pode envolver família, trabalho, sonhos profissionais não realizados ou até mesmo um fato amoroso que não teve um final satisfatório.

É preciso observar as cartas que a circundam para analisar melhor a jogada.

Carta 04 – A Vela (Magia, Feitiço)

Carta 04 - A Vela (Magia, Feitiço)
Carta 04 – A Vela (Magia, Feitiço)

A vela é uma carta que aconselha atenção, quando numa jogada ela sair sozinha. Apesar de tensa, emite neutralidade e pontua espiritualidade.

Ela pode representar os ciganos em seu modo místico de lidar com os acontecimentos e em resolver os problemas sérios com cantos e danças.

Mas ela pode ser, também, um canto de sereia ou um mantra que exorciza e remove as cargas pesadas após mostrá-las ao(à) consulente.

Caso essa carta inicie a Cruz Mística, indica a forte presença de portadores de notícias não tão amenas, mas que podem ser sanadas e resolvidas a contento com o auxílio do Povo da Rua.

É importante que se observe as cartas circundantes na jogada. (Esta carta significa a presença e a intercessão dos que vivem nos “bastidores” da vida).

Precisamos verificar quais as verdadeiras intenções dessas presenças, através das cartas circundantes. Essas presenças podem ser das encruzilhadas, das matas, dos mares ou dos povos ciganos.

Mas também podem ser os “eguns”, “encostos” ou mesmo obsessores. Caso essa carta caia como a abertura da Cruz Mística, pode significar, também, algumas perturbação do sono ou incômodo psicológico que entrava a vida do(a) consulentes.

Essa carta também refere-se à magia espiritual ou pode ser algo que envolve o encanto ou o carisma pessoal.

Carta 05 – As Moedas (Moedas, Riquezas)

Carta 05 - As Moedas (Moedas, Riquezas)
Carta 05 – As Moedas (Moedas, Riquezas)

Esta carta diz respeito à prosperidade ou à sorte nos caminhos materiais. Essa é uma carta positiva, que sinaliza bons auspícios.

Ela pode pontuar a presença de Orixás como Obará, Ogun e Oxóssi. Em uma de suas variações, ela pode transformar-se em uma lança de algum Caboclo ou até mesmo num tridente.

Pode ser, também, o escudo de São Miguel Arcanjo ou pode, também, pontuar a presença da Oxum, que é conhecida como a Mãe do Ouro.

Apesar de significar bons auspícios, ela pode transformar-se em penúria ou prejuízos, quando ladeada por cartas negativas.

Caso essa carta inicie a Cruz Mística, indica assuntos financeiros ligados à vida do(a) consulente. É importante a observação das cartas que a permeiam.

Carta 06 – O Vaso de Flores (Boas Notícias, Boas Palavras, Boas Perspectivas, Bons Augúrios)

Carta 06 - O Vaso de Flores (Boas Notícias, Boas Palavras, Boas Perspectivas, Bons Augúrios)
Carta 06 – O Vaso de Flores (Boas Notícias, Boas Palavras, Boas Perspectivas, Bons Augúrios)

Essa carta minimiza a negatividade das cartas que a rodearem. Ela afirma que as coisas tendem a melhorar.

Essa carta é positiva e autoexplicativa. Ela sinaliza um período de esperança e de muita proteção. Tudo será amenizado e as portas e caminhos estarão mais “flexíveis” para o(a) consulente.

É uma carta que representa uma proteção espiritual capaz de permitir que o(a) consulente respire novos ares e que se recupere das lutas do dia-a-dia.

Caso esta carta inicie a Cruz Mística, significa que os caminhos do(a) consulente estarão mais suaves e que ele(a) será recompensado(a) pelo estudo, pelos sacrifícios e pela coragem que teve.

As compensações espirituais hão de protegê-lo(a) através dos méritos espirituais, por seus esforços e dedicação.

É importante que observe as cartas que a circundam.

Carta 07 – A Lua Refletida no Mar (Melancolia, Depressão ou Lágrimas)

Carta 07 - A Lua Refletida no Mar (Melancolia, Depressão ou Lágrimas)
Carta 07 – A Lua Refletida no Mar (Melancolia, Depressão ou Lágrimas)

Essa carta significa um período de provas na vida do consulente e que pode, também, indicar desequilíbrio emocional.

Caso ela inicie a Cruz Mística, indica que o(a) consulente talvez precise de um acompanhamento psicológico ou de pessoas que o apoiem e estimulem em sua vida diária.

As cartas que ladearem poderão esclarecer em qual aspecto da vida isso se dá e quais as perspectivas que ele(a) terá de se recuperar emocionalmente.

Carta 08 – A Lâmpada Acesa (Surpresas)

Carta 08 - A Lâmpada Acesa (Surpresas)
Carta 08 – A Lâmpada Acesa (Surpresas)

Esta carta tem um valor claro e positivo, indicando que algo inesperado vai acontecer. Pode indicar a luz espiritual, a bondade de alguém, a esperança de uma vida melhor, as boas intuições e até mesmo uma gravidez.

Caso essa carta inicie a Cruz Mística, significa bons auspícios, boas notícias chegando, uma cura física excepcional, paz de espírito ou de reconhecimento na vida do(a) consulente.

Deve-se observar as cartas circundantes.

Carta 09 – A Poltrona Negra (Morte ou Alguém que foi Embora)

Carta 09 - A Poltrona Negra (Morte ou Alguém que foi Embora)
Carta 09 – A Poltrona Negra (Morte ou Alguém que foi Embora)

Esta é uma carta mística e tensa, que pontua espiritualidade, mediunidade, doença, segredos, magia e até problemas de ordem psiquiátrica.

Nela estão contidos tantos os amigos espirituais quanto aqueles que devem ser tratados com cuidado e com parcimônia, pois podem ser “eguns”, “encostos” ou “carregos”.

Esta carta indica problemas de várias ordens. É preciso prestar atenção e ter muito cuidado em sua análise.

Vou citar alguns exemplos do que ela pode significar: depressão, doença grave, segredos, magia negra, fofocas, problemas psicológicos e angústia.

Tudo dependerá da sequência do jogo ou jogada, que serão o termômetro das energias circundantes. Não se pode dizer que essa carta seja ruim.

Absolutamente! Existem “demônios” que trabalham em nome de Deus e essa carta pode indicar a “condição” espiritual de alguma figura que a permeie, como quando indica que a pessoa da qual se fala é alguém que está encarnado.

Pode, também, indicar um “Exu” ou uma “Pomba Gira”. Todas as cartas tem um significado diferente em cada posição na qual for lida quando o jogo estiver aberto: na horizontal, na diagonal, na vertical e na hora de cruzar as cartas.

Portanto, caso a Cruz Mística inicie por esta carta, significa que o(a) consulente está num momento “carnal” de sua jornada, o que demanda em responsabilidades espirituais que requerem muita atenção, cuidado e empenho de sua parte.

Deve-se observar as cartas circundantes para melhor interpretação da jogada.

Carta 10 – Cordas com Nós Apertados (Embaraços e Dificuldades, Confusões, Mal Entendidos)

Carta 10 - Cordas com Nós Apertados (Embaraços e Dificuldades, Confusões, Mal Entendidos)
Carta 10 – Cordas com Nós Apertados (Embaraços e Dificuldades, Confusões, Mal Entendidos)

É uma carta tensa e instigante, que requer atenção e observação. Esta carta pode significar, também, más intuições, más influências, dificuldades em encontrar e compreender os sinais do destino, distorções do entendimento, descaminhos e mal entendidos nas relações interpessoais.

Caso esta carta inicie a Cruz Mística, significa que o(a) consulente precisa prestar mais atenção em suas estratégias, buscando uma maior percepção e superação dos obstáculos.

É importante que se analise as cartas circundantes.

Carta 11 – O Menorah (Espiritualidade Maior)

Carta 11 - O Menorah (Espiritualidade Maior)
Carta 11 – O Menorah (Espiritualidade Maior)

Essa é uma carta que emite luz e positividade. Ela representa Deus, Orunmilá, um Mago ou um Mestre Espiritual no qual o(a) consulente crê.

Pode significar, também, um grande sol que ilumina todo o jogo. Em algumas jogadas, ela pode representar a coroa de um Orixá.

Deve-se prestar atenção em sua posição no jogo, pois pode ser que signifique a manifestação do Anjo da Guarda do(a) consulente, que deseja trazer um recado ou dar um aviso.

Ela é o oposto exato da Carta 12, que significa Espiritualidade Menor. Essa carta traz bons augúrios amenizando, de uma certa forma, alguns dos significados negativos das cartas que a rodeiam e mostra que o(a) consulente está sendo abençoado.

Caso esta carta inicie a Cruz Mística, significa que a Luz de Deus está próxima do(a) consulente e que ele(a) pode crer na alegria do porvir!

Os Mestres Ascensionados atuam nessa carta com a força do imenso amor que nutrem por toda a humanidade.

  • Raio Azul – Mestre El Morya
  • Raio Dourado – Mestre Kutumi
  • Raio Rosa – Mestra Rowena
  • Raio Branco – Serapis Bey
  • Raio Verde – Mestre Hilarion
  • Raio Rubi Dourado – Mestra Nada
  • Raio Violeta – Mestre Saint Germain

(O Menorah, ou candelabro de sete braços, é um dos símbolos mais conhecidos e mencionados na Bíblia. No Livro do Êxodo pode ser visto na história de como Moisés teve uma revelação divina no monete Sinais relativo à construção do Tabernáculo, com detalhes sobre o seu interior e exterior, e como numa destas partes se encaixava este “candelabro” ou Menorah).

Veja:  Maria Padilha Para Trazer o Amor de Volta

Carta 12 – O Punhal (Espiritualidade Menor)

Carta 12 - O Punhal (Espiritualidade Menor)
Carta 12 – O Punhal (Espiritualidade Menor)

Esta é uma carta mística e tensa, que pontua espiritualidade. Nela estão contidos tanto os amigos espirituais quanto aqueles que devem ser tratados com cuidado e com parcimônia, pois podem ser “Eguns”, “Encostos” ou “Carregos”.

Tudo dependerá da sequência do jogo ou da jogada, que serão os termômetros das energias circundantes.

Não se pode dizer que essa carta seja ruim. Absolutamente! Existem “demônios” que trabalham em nome de Deus e essa carta pode indicar a “condição” espiritual de alguma figura que a permeie, como quando indica que a pessoa da qual se fala é alguém que está encarnado.

Pode, também, indicar um “Exu” ou uma “Pomba Gira”. Todas as cartas tem um significado diferentes em cada posição na qual for lida: na horizontal, na diagonal, na vertical e na hora de cruzar as cartas.

Portanto, caso a Cruz Mística inicie por esta carta, significa que o(a) consulente está num momento “Carnal” de sua jornada, o que demanda em responsabilidades espirituais que requerem muita atenção e empenho de sua parte.

Deve-se observar as cartas circundantes para melhor interpretação da jogada. (Esta carta refere-se aos espíritos intermediários que trabalham para a dimensão em que vivemos. São os chamados povos de caminho. São eles que materializam nesse plano as ordens das hierarquias da Luz).

Cartas 13 – A Taça Servida Pela Mão que Porta o Anel de Cobra (Traições)

Cartas 13 - A Taça Servida Pela Mão que Porta o Anel de Cobra (Traições)
Cartas 13 – A Taça Servida Pela Mão que Porta o Anel de Cobra (Traições)

Esta carta emite fortes vibrações sensuais e carnais e, por isso, é uma carta que requer atenção em sua interpretação.

Muitas vezes, ela pode representar um desejo não confesso ou sinalizar variadas formas de traições, como a de um cônjuge, amigo, patrão, sócio, etc.

Ela pode indicar, também, uma pessoa racional. Alguém que, apesar de crer em Deus, vive com a cabeça e o coração voltados para fatos materiais.

Ela pode significar desejo ou atração sexual. Caso esta carta inicie a Cruz Mística, pode indicar uma traição que ocorre, ocorreu ou que está para ocorrer na vida do(a) consulente ou, ainda, algum dos vários significados a ela atribuídos.

É interessante que se analise as cartas que a permeiam. (Deve-se observar as cartas que a rodeia, para identificar de onde vem essas traições. Mas depois de uma certa experiência com o manuseio do baralho, verificamos que algumas entidades se manifestam através dela. Dentre elas, estão Exus e Pombas Giras. Por isso, convém interpretar mais profundamente o seu significado).

Carta 14 – A Pulseira de Ouro (Grande Amor)

Carta 14 - A Pulseira de Ouro (Grande Amor)
Carta 14 – A Pulseira de Ouro (Grande Amor)

Essa é uma carta de teor emotivo e/ou afetivo que, de certa forma, necessita de outras cartas para ter seu significado esclarecido.

Mas, de qualquer forma, é uma carta que emite positividade, sendo capaz de neutralizar e amenizar os significados que tentem lhe desestabilizar.

Essa carta indica bondade, boas intenções e amor sincero. Ladeada por certas cartas, pode indicar a presença de Oxum.

Caso essa carta inicie a Cruz Mística, indica a chegada de uma nova amizade, de um amor sincero, de um emprego há muito almejado ou de um acontecimento que alegrará a vida do(a) consulente.

É interessante que se observe as cartas circundantes para que seu significado possa ser melhor interpretado.

(Essa carta refere-se a algum acontecimento romântico. Depois de interpretar as cartas que a rodeiam, você poderá entender a que fato ela se refere dentro do contexto da jogada. Muitas vezes, ela pode significar uma sociedade promissora ou uma profunda simpatia entre amigos.)

Carta 15 – O Triângulo e o Ovo (Viagens, Mudanças de Vida)

Carta 15 - O Triângulo e o Ovo (Viagens, Mudanças de Vida)
Carta 15 – O Triângulo e o Ovo (Viagens, Mudanças de Vida)

Esta é uma carta de valor neutro e que contém em si um significado claro. Ela refere-se à mudança, viagem.

Em outro significado, pode denotar inconstância, indecisão. Pode referir-se à um lugar distante, no estrangeiro ou até mesmo à um gringo ou alguém que tenha uma profissão como Comissário de Bordo ou à pessoas que trabalhem em navios ou que sejam itinerantes.

Seu significado varia conforme as cartas que a circundam. Numa de suas variações, essa carta pode apontar os Orixás que regem o mar, a variação psíquica e a inconstância de humor, como uma bipolaridade e até mesmo uma gravidez.

Por indicar mudança, ela pode referir-se a qualquer campo da vida do(a) consulente, inclusive quanto à mudanças de opinião ou de ideia.

Seu significado principal é o de indicar mudanças e/ou viagens de trabalho, residência, vida afetiva, religiosa, sociais, etc.

Caso essa carta inicie a Cruz Mística, indica mudanças na vida do(a) consulente e é importante que se observe as cartas circundantes para saber ao que se referem essas mudanças.

Carta 16 – O Palhacinho (Alegrias e Comemorações)

Carta 16 - O Palhacinho (Alegrias e Comemorações)
Carta 16 – O Palhacinho (Alegrias e Comemorações)

Esta carta tem um “ar” alegre e descontraído, capaz de suavizar as cartas que a circundam. Pode até anunciar a chegada de uma criança ou sinalizar a breve realização de um sonho ou desejo.

Caso esta carta inicie a Cruz Mística, indica a chegada de notícias surpreendentes. Mas para saber quais os tipos de surpresas, há necessidade de se observar as cartas envolvidas na jogada.

Essa carta refere-se à alegrias e realizações em certos aspectos da vida do(a) consulente.

Carta 17 – A Balança (Justiça ou Equilíbrio Emocional)

Carta 17 - A Balança (Justiça ou Equilíbrio Emocional)
Carta 17 – A Balança (Justiça ou Equilíbrio Emocional)

Esta é uma carta neutra que pontua justiça e equilíbrio. Pode significar barreiras e empecilhos ou indicar, também, um advogado, um juiz, uma ação na justiça, um inventário ou o Orixá Xangô.

Pode significar, pasmem, um tumor, um aneurisma ou um abcesso ou a necessidade de equilíbrio e de cabeça fria para resolver assuntos de difícil solução.

Caso essa carta inicie a Cruz Mística, indica questões legais, processos, papéis de admissão de emprego, concursos públicos e tantos outros significados que envolvam justiça.

Deve-se observar as cartas circundantes para melhor interpretação da jogada.

Carta 18 – A Rosa Vermelha (Notícias Distantes ou Caminhos Distantes)

Carta 18 - A Rosa Vermelha (Notícias Distantes ou Caminhos Distantes)
Carta 18 – A Rosa Vermelha (Notícias Distantes ou Caminhos Distantes)

Esta é uma carta neutra, coadjuvante que, além de pontuar “Tempo”, aconselha que se trabalhe a aceitação das limitações e intempéries da vida.

Ela aponta tanto lentidão quanto fatos antigos que se interligam aos atuais acontecimentos. Pode indicar o retorno, a presença ou a lembrança de pessoas que já estiveram presentes na vida do(a) consulente e que no momento são lembradas ou reaparecem.

Indica, também, fatos antigos que marcaram a vida do(a) consulente. Exemplo: caso ela saia ao lado da Carta 9, pode indicar uma doença ou depressão ou problema de ordem mediúnica, etc., que ocorreu ou que marcou, há tempos, a vida do(a) consulente ou de alguém ligado(a) à ele(a).

Caso esta carta inicie a Cruz Mística, indica a influência de fatos antigos no momento atual da vida do(a) consulente.

É como se essa carta revolvesse o íntimo do(a) consulente, expondo seus problemas mal resolvidos, para que estes fossem melhor analisados, revistos e trabalhados.

Em algumas jogadas, essa Carta 18 pode significar lentidão ou demora. Ela pode sinalizar acontecimentos do passado, bons ou ruins, relacionados à diversos assuntos, que podem estar interligados aos assuntos presentes.

Pode ser referente à trabalho (com a Carta 22), família (com a Carta 32), justiça (com a Carta 17) ou afetivos (com as Cartas 14, 21 e 34).

As cartas circundantes devem ser analisadas para melhor interpretação do jogo.

Carta 19 – O Cigarro Aceso (Vício ou Teimosia)

Carta 19 - O Cigarro Acesso (Vício ou Teimosia)
Carta 19 – O Cigarro Acesso (Vício ou Teimosia)

Esta carta é tensa e requer atenção. Ela pontua desvios de conduta, compulsões e comportamentos não moderados ou fora dos padrões.

Ela aconselha uma revisão quanto a pensamentos e ações que podem estar sendo doentios e mal direcionados.

A carta pede que se tome cuidado com a permissividade. Em uma outra interpretação, pode se referir uma necessidade de descarrego ou defumação da residência ou do(a) próprio(a) consulente, para que se exorcize as más influências astrais.

Caso essa carta inicie a Cruz Mística, indica que se deve ter cuidado com suas próprias ações, para que se possa, assim, evitar reações indesejáveis.

Carta 20 – A Luz Vermelha Acessa (Perigo ou Dificuldade no Caminho)

Carta 20 - A Luz Vermelha Acessa (Perigo ou Dificuldade no Caminho)
Carta 20 – A Luz Vermelha Acessa (Perigo ou Dificuldade no Caminho)

Esta é uma carta tensa, que pode indicar perigo. Essa carta é um alerta para situações de risco. Pode ser, também, que pensamentos negativos estejam se insinuando para deter a vitória do(a) consulente.

Ela pede, também, que o(a) consulente tome certos cuidados na área de segurança pessoal. Caso a Cruz Mística abra com essa carta, indica vulnerabilidade em algum aspecto da vida do(a) consulente, alertando-o(a) para que esteja atento(a) e prevenido(a) quanto aos perigos do seu dia-a-dia.

Carta 21 – O Véu de Noiva (Casamento)

Carta 21 - O Véu de Noiva (Casamento)
Carta 21 – O Véu de Noiva (Casamento)

Essa carta é neutra e auto explicativa. Ao lado de outras cartas, seu significado pode se alterar, mas sem perder a sua essência original.

Ao lado da Carta 35, pode significar rompimento, separação, corte de uma amizade, sociedade ou do caminho.

Ao lado de outras cartas, seu significado sofrerá algumas alterações, mas sua característica se manterá. Caso essa carta inicie a Cruz Mística, indica que assuntos que envolvem casamento, amizade, sociedade de negócios e que girem em torno desse tema estarão presentes na vida do(a) consulente.

Deve-se observar as cartas circundantes para melhor interpretação da jogada. Essa carta pode referir-se, também, a uniões em vários aspectos da vida do(a) consulente.

Pode ser uma sociedade que será proposta; um pedido de namoro ou de casamento ou até mesmo uma surpresa na área financeira e econômica do consulente.

Carta 22 – As Mãos em Cumprimento (União ou Negócios que Chegam)

Carta 22 - As Mãos em Cumprimento (União ou Negócios que Chegam)
Carta 22 – As Mãos em Cumprimento (União ou Negócios que Chegam)

Essa carta é neutra e coadjuvante, que pontua Negócios e Profissão. Apesar de poder ter seu significado alterado quando circundada por cartas negativas, ela sinaliza a chegada de novas oportunidades financeiras/profissionais na vida do(a) consulente.

Precisa-se, também, deixar claro que ela pode significar trabalho de cunho espiritual, filosófico, holístico, etc.

Em outro sentido, pode significar consulta a médicos, diagnósticos, uma especialização na faculdade, a chegada de um novo funcionário, etc.

Veja:  Incorporação Forte de Várias Marias Padilhas

Caso essa carta inicie a Cruz Mística, indica que assuntos financeiros e profissionais envolverão a vida do(a) consulente.

É importante que se observe as cartas que a permeiam, para melhor interpretação da jogada. Essa carta pode, também, referir-se a novas oportunidades que surgirão na vida do(a) consulente.

Uma nova sociedade, a extensão dos negócios ou até mesmo a chegada de uma pessoa que será importante em sua vida.

Carta 23 – A Âncora (Confirma)

Carta 23 - A Âncora (Confirma)
Carta 23 – A Âncora (Confirma)

Esta carta tem um cunho de neutralidade e é coadjuvante frente as cartas que a circundam. Ela pode, também, representar algo que trava os caminhos do(a) consulente, conforme a jogada.

Caso esta carta inicie a Cruz Mística, significa uma confirmação n’algumas questões que envolvem a vida do(a) consulente.

É importante que se observe as cartas circundantes para melhor interpretação da jogada. Essa carta confirma as cartas ao seu redor.

Carta 24 – Uma Calça de Homem (Pessoa Intermediária Homem)

Carta 24 - Uma Calça de Homem (Pessoa Intermediária Homem)
Carta 24 – Uma Calça de Homem (Pessoa Intermediária Homem)

Essa carta refere-se a um homem que as cartas ao seu redor podem indicar quem seja ou até mesmo um Orixá, um protetor ou até mesmo um inimigo (egun, obsessor, perseguidor) que acompanhe o(a) consulente.

Carta 25 – Uma Saia de Mulher (Pessoa Intermediária Mulher)

Carta 25 - Uma Saia de Mulher (Pessoa Intermediária Mulher)
Carta 25 – Uma Saia de Mulher (Pessoa Intermediária Mulher)

Essa carta refere-se à uma mulher que as cartas ao redor podem indicar quem seja ou até mesmo um Orixá, uma protetora ou até mesmo um egun ou obsessor que acompanhe o(a) consulente.

Carta 26 – O Perfil de uma Mulher (A Consulente)

Carta 26 - O Perfil de uma Mulher (A Consulente)
Carta 26 – O Perfil de uma Mulher (A Consulente)

Essa carta indica a consulente ou a mulher, noiva ou amante do(a) consulente.

Carta 27 – O Perfil de um Homem (O Consulente)

Carta 27 - O Perfil de um Homem (O Consulente)
Carta 27 – O Perfil de um Homem (O Consulente)

Esta carta indica o consulente ou o esposo, noivo ou amante do(a) consulente.

Carta 28 – O Cão (Amigo Fiel ou Aliado)

Carta 28 - O Cão (Amigo Fiel ou Aliado)
Carta 28 – O Cão (Amigo Fiel ou Aliado)

Essa é uma carta neutra e coadjuvante. Ela pode significar a ajuda de um amigo fiel, carnal ou espiritual, como pode apontar um(a) bom(a) amigo(a).

Em algumas jogadas, ela pode apontar a presença de um(a) amigo(a) espiritual junto ao(à) consulente.

Carta 29 – A Estrela de Davi (Vitória)

Carta 29 - A Estrela de Davi (Vitória)
Carta 29 – A Estrela de Davi (Vitória)

Essa é uma carta positiva e auto explicativa. Ela indica bênçãos e proteção espiritual que atuam na vida do(a) consulente.

Ao lado de uma figura, pode indicar a presença de um santo protetor ou mesmo de uma pessoa que pode atuar positivamente em algum aspecto da vida do(a) consulente.

Junto à uma carta negativa, seu significado pode se alterar, mas nunca tornar-se totalmente prejudicial. Caso essa carta inicie a Cruz Mística, indica uma vitória ou uma grande proteção que salvaguarda os caminhos do(a) consulente, permitindo que ele(a) atinja os seus objetivos em paz.

É importante que se observe as cartas circundantes para melhor interpretação da jogada.

Carta 30 – A Ferradura (Boa Sorte)

Carta 30 - A Ferradura (Boa Sorte)
Carta 30 – A Ferradura (Boa Sorte)

Essa é uma carta neutra e coadjuvante, que interage junto às cartas que a circundam. Ela refere-se à sorte em algum aspecto da vida do(a) consulente.

Caso ela inicie a Cruz Mística, significa que o(a) consulente será bem sucedido em algum aspecto da sua vida.

Mas esse significado poderá varias conforme as cartas que a circundam e, também do tipo de jogada ou de pergunta que porventura o(a) consulente tenha feito.

Carta 31 – Malandro (Roubo, Perdas, Desgaste ou Pessoa Perigosa)

Carta 31 - Malandro (Roubo, Perdas, Desgaste ou Pessoa Perigosa)
Carta 31 – Malandro (Roubo, Perdas, Desgaste ou Pessoa Perigosa)

Essa carta tem um cunho tenso e, em certas jogadas, aponta para um significado espiritual. Em algumas jogadas, ela aconselha que o(a) consulente tenha cuidado nas transações em geral, como as de assinar contratos ou finalizar negociações diversas que requeiram sua assinatura ou em papéis de justiça.

Noutras, ela pode sinalizar a interferência de entidades espirituais ligadas tanto aos Povos Ciganos quanto aos Povos da Rua, como Zé Pelintra e tantos outros traçados em várias linhas e falanges espirituais, que queiram pontuar ajuda ou alertas para perigos.

Caso esta carta inicie a Cruz Mística, significa que o(a) consulente deve precaver-se quanto a assuntos que envolvam dinheiro, aquisição de imóveis, segurança pessoal ou com os ditos “falsos amigos”.

Deve-se observar as cartas que a circundam, para melhor interpretação de seu real significado.

Carta 32 – A Janela de Casa (Em Casa, Em Família, No Íntimo, Intimidade, Suas Próprias Impressões)

Carta 32 - A Janela de Casa (Em Casa, Em Família, No Íntimo, Intimidade, Suas Próprias Impressões)
Carta 32 – A Janela de Casa (Em Casa, Em Família, No Íntimo, Intimidade, Suas Próprias Impressões)

Esta carta é neutra e coadjuvante, que necessita da visualização das cartas circundantes para que seja devidamente analisada.

Ela se refere a assuntos de família ou pessoais. Pode ser, também, algo que o(a) consulente guarda no íntimo, como suas próprias impressões ou, também, dependendo da jogada, pode indicar o íntimo de outra pessoa, caso as Cartas 24 ou 25 as circunde.

Pode se referenciar à um fato ligado a um familiar ou algo que envolva a família, amigos ou íntimos da família.

Seu valor variará conforme a posição da leitura. Caso a Cruz Mística seja iniciada com esta carta, o jogo estará se referindo a fatos ocorridos em família ou no próprio íntimo do(a) consulente.

É importante a observação das cartas circundantes para melhor interpretação da jogada.

Carta 33 – A Porta da Rua (Pela Porta da Rua)

Carta 33 - A Porta da Rua (Pela Porta da Rua)
Carta 33 – A Porta da Rua (Pela Porta da Rua)

Esta carta é neutra e autoexplicativa. Ela refere-se à questões que envolvam fatos ocorridos no trabalho, nas ruas, nas relações fora de casa, no fatos com familiares que não residam com o(a) consulente, mas que podem estar ligados ao lar, como questões que acontecem, por exemplo, na escola onde o(a) filho(a) estuda ou em seus locais de trabalho.

Pode indicar que um membro da família vai sair de casa para morar em uma outra residência ou em um outro estado ou país.

Caso está carta inicie a Cruz Mística, significa que o(a) consulente lidará com variadas situações fora de casa, que tanto podem envolver trabalho quanto questões jurídicas, brigas, amores, paixões, etc., dependendo das cartas que a circundem, que deverão ser cuidadosamente observadas.

Carta 34 – As Borboletas Sobre a Flor (Casamento Feliz)

Carta 33 - As Borboletas Sobre a Flor (Casamento Feliz)
Carta 34 – As Borboletas Sobre a Flor (Casamento Feliz)

Essa é uma carta de teor emotivo e/ou afetivo, que, de certa forma, necessita de outras cartas para ter seu significado esclarecido.

Mas, de qualquer forma, é uma carta que emite positividade, sendo capaz de neutralizar e amenizar os significados que tentem desestabilizar o(a) consulente.

Essa carta também pode indicar bondades, boas intenções, amor sincero e, também, pode indicar a presença de alguém bem intencionado(a) na vida do(a) consulente.

Ao lado da Carta 25, pode, também, indicar a presença de Oxum. Caso essa carta inicie a Cruz Mística, indica a chegada de uma nova amizade, de um amor sincero, de um emprego há muito almejado ou de um acontecimento que alegrará a vida do(a) consulente.

É interessante que se observe as cartas circundantes para que seu significado possa ser melhor interpretado.

Carta 35 – A Pulseira Arrebentada (Separação, Rompimento)

Carta 35 - A Pulseira Arrebentada (Separação, Rompimento)
Carta 35 – A Pulseira Arrebentada (Separação, Rompimento)

Esta é uma carta neutra e autoexplicativa. Ela evoca separações, cortes, rompimentos, uma operação, drenagem nalgum membro, a morte de alguma pessoa ou o afastamento ela, o corte de uma doença ou a sua cura, corte de um emprego ou extinção de um cargo.

É interessante que se analise com cuidado as cartas circundantes para que se chegue à conclusões. Numa variantes de significado, pode ser uma espada ou uma flecha d’algum Orixá, já que pode representar, também, um instrumento de corte ou de guerra.

Caso esta carta inicie a Cruz Mística, significa que algo ou alguma coisa foi cortada, rompida ou extinta na vida do(a) consulente, observando-se com cuidado as cartas que a permeiam.

Carta 36 – Caminhos de Sol (Caminhos Abertos)

Carta 36 - Caminhos de Sol (Caminhos Abertos)
Carta 36 – Caminhos de Sol (Caminhos Abertos)

Esta carta tem teor positivo e auspicioso, que traz em si o crescimento e as boas expectativas de vida. Significa que o(a) consulente sentirá uma nova força vital ou intelectual, que o(a) auxiliará em seus projetos, como se algo no que ele(a) vinha trabalhando, deslanchasse, fluísse e expandisse, estimulando(a) e incentivando emocionalmente.

Pode indicar, também, o começo de um aprendizado (de uma língua estrangeira) ou até mesmo de uma expansão de consciência.

Pode-se, inclusive, não descartas uma nova descoberta espiritual ou uma mudança em suas crenças religiosas.

É importante que se observe as cartas que a circundam, para sua melhor interpretação. Portanto, esta carta refere-se ao crescimento espiritual, intelectual ou emocional do(a) consulente.

Algo chegará para mudar as perspectivas da vida, estimulando alegria e fé. Quando a Cruz Mística se inicia com esta carta, significa uma melhora nos caminhos do conhecimento, da cultura e da vida emocional do(a) consulente.

É imprescindível que se analise as cartas que a permeiam.

Informações Adicionais

Não se deve interferir na interpretação que novos aprendizes dão às cartas do Baralho da Maria Padilha. Apesar de cada carta ter seu significado pré-estabelecido, cada um que joga o Baralho da Maria Padilha é livre para fazer suas próprias interpretações e associações, considerando de que se trata de uma ferramenta intuitiva que fala diretamente com seu(sua) dono(a), não havendo leituras erradas, apenas ângulos diferentes de interpretação.

Cartas que Pontuam Questões de Saúde

Caso a questão seja a saúde, pode-se considerar as seguintes interpretações:

  • A Carta 10 pode ser tanto os intestinos quanto o cérebro.
  • A Carta 18 pode ser uma obstrução, um trombo ou um aneurisma.
  • A Carta 17 pode ser os rins.
  • A Carta 34 pode ser os pulmões.
  • A Carta 22 pode ser o coração.
  • A Carta 13 pode ser o fígado.
  • A Carta 6 pode ser o estômago.

Mas cada um deve interpretar conforme as próprias intuições.

Livro Recomendado:

Banhos, Defumações, Encantamentos, Feitiços, Magias, Oferendas, Rituais e Simpatias de Maria Padilha
Banhos, Defumações, Encantamentos, Feitiços, Magias, Oferendas, Rituais e Simpatias de Maria Padilha

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Livros de Maria Padilha:

Élida Alexandre

Cartomante, taróloga, terapeuta holística e empreendedora de livros de auto ajuda espiritual, religião e esoterismo.

Site: elidaalexandre.com.br

YouTube: youtube.com/@ElidaAlexandre

Instagram: instagram.com/elidaalexandre9

TikTok: www.tiktok.com/@elidaalexandre9