O que é Maria Padilha?
O que é Maria Padilha?

O que é Maria Padilha? É Pomba Gira? É Exu?

A Guardiã das Sete Catacumbas: Maria Padilha das Almas: Livro inspirado pelos espíritos do Preto-Velho Pai Barnabé e Maria Padilha das Almas conta uma linda história de resgate. Clique Aqui e Confira!

Maria Padilha é bonita, é mulher, e sagrou-se como a única esposa de Dom Pedro I de Castela, tornando-se a legítima rainha e exercendo seu poder e influência mesmo depois de morta.

Maria Padilha também é uma das mais populares pombas giras, sendo considerada o espírito de uma mulher muito bonita, branca, sedutora, e que em vida teria sido prostituta grã-fina ou influente cortesã.

Maria Padilha é conhecida como a amante do rei de Castela, que construiu sua história em várias partes do mundo e veio parar nos terreiros de São Paulo e de todo o Brasil.

Resumidamente, Maria Padilha é o espírito da amante do rei de Castela que se manifesta nos terreiros de umbanda e candomblé.

Mas ela não é um espírito só. Maria Padilha é uma falange de pombas giras da Umbanda e da Quimbanda, composta de várias sub-falanges.

Entre as diversas sub-falanges estão:

  • Maria Padilha do Cruzeiro das Almas – Linha de Omolu-Obaluaê/Iansã
  • Maria Padilha da Encruzilhada – Linha de Ogum
  • Maria Padilha do Cemitério – Linha de Omolu-Obaluaê
  • Maria Padilha da Kalunga – Linha de Oxum/Iemanjá
  • Maria Padilha das Sete Catatumbas / Sete Tumbas – Linha de Omolu-Obaluaê
  • Maria Padilha da Navalha – Linha de Oxum
  • Maria Padilha das Sete Saias – Linha de Oxum

O nome de Maria Padilha sempre gera muita repercussão e até alguns episódios de intolerância religiosa, mas ninguém pode negar a importância da história de Maria Padilha e o seu legado como a feiticeira das pombas giras.

Maria Padilha é a pomba-gira mais procurada nos terreiros e antes de sair protagonizando episódios de intolerância com essa moça, é necessário conhecer melhor a história dela.

A história de Maria Padilha conta que ela pertenceu a uma família castelhana, os Padilla, e o seu nome foi eternizado em brasão posteriormente a sua morte.

Através da história da Maria Padilha, é possível perceber que ela não era uma mulher qualquer. Diz-se que, junto de uma árvore, Maria Padilha teria deixado um feitiço de amor feito com um espelho, através do qual o Rei se olhou e, enfeitiçado, se rendeu à paixão da jovem moça.

O casamento foi o acontecimento mais marcante na história de Maria Padilha. O caso da pomba-gira Maria Padilha foi realmente um caso de amor.

D. Pedro I abandonou sua esposa Dona Blanca para viver sua história com Maria Padilha, sendo perseguido por opositores em seu Reinado.

Depois de mandar sua esposa para a prisão – alguns dizem que por um feitiço armado por Maria Padilha – o Rei assumiu seu casamento, até então clandestino, com Maria Padilha.

A força da falange de Maria Padilha também é inegável. Apegada à matéria e ao seu grande amor, Maria Padilha é chefe de falange na linha de Exu, atuando como Exu-Mulher lado a lado de Exus homens.

Poderosa em seus feitiços de amor, dentro de terreiros, Maria Padilha comanda os feitiços e consola aqueles que perderam um grande amor.

Maria Padilha também é amada por muitas pessoas, pois é considerada sexy, atraente, conquistadora e protetora. Muitas pessoas tem Maria Padilha de frente.

À ela, muitas orações são feitas e várias pessoas não só a louvam e saúdam, como confiam nela. Maria Padilha desperta muita curiosidade, pois muitas pessoas desejam saber como ela é e como ela pode ajudar.

Se você quiser fazer um agrado à Maria Padilha, você pode entregar à ela:

  • Farofa com Dendê, que é chamada de padê (esta farofa é uma mistura de champanhe, dendê e farinha de rosca branca)
  • Champanhe
  • Cigarros
  • Brincos
  • Pulseiras
  • Colares
  • Velas
  • Alguidar

À Maria Padilha, você pode pedir proteção, iluminação, casamento, etc. Basta ter fé em Maria Padilha, a rainha de todas as giras, conhecida desde a Europa até se tornar um dos nomes mais chamados nas rezas e feitiçarias brasileiras.

Para cultuar Maria Padilha, você pode adquirir uma imagem dela. Mas lembre-se de cultuá-la fora de casa.

Tarô da Maria Padilha: Instrumento poderoso de interpretação do oculto sob a proteção da falange desta Pombogira. Clique Aqui e Confira!

Compartilhe Esta Página:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *