Maria Padilha, Não Me Deixe Andar Sozinho
Maria Padilha, Não Me Deixe Andar Sozinho

Maria Padilha, Não Me Deixe Andar Sozinho

O ROMANCE: UM CORAÇÃO DE MARIA PADILHA DAS ALMAS: Este livro conta uma história em meados do século XIV na França, onde a personagem segue entre desejos e anseios sua rotina diária envolta da vaidade e do acúmulo de bens. CLIQUE AQUI E CONFIRA! 

Maria Padilha é conhecida como uma flor da Umbanda, que vence demandas e sempre propaga muito amor e axé. Não Me Deixe Andar Sozinho é um ponto cantado criado em sua homenagem e pedindo a sua presença nos nossos caminhos.

Se umbanda é paz e amor, Maria Padilha é a rosa que representa essa paz e esse amor dentro da umbanda. É a rosa sem espinhos, pois com ela ninguém se engana.

Escute no vídeo abaixo o ponto cantado Não Me Deixe Andar Sozinho:

Compartilhe Esta Página:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *